sábado, 1 de março de 2008

Onde está á ciência na televisão?

O espaço do conhecimento na televisão aberta


Quando você liga a televisão, nos chamados canais abertos, o que aparece? Ou aparece novelas com muitas armações e crueldade, reality shows como Big Brother, programas de fofoca da vida de "celebridades" e programas religiosos pedindo dinheiro para manterem suas obras. E programas relativos a divulgação científicas, onde estão?

Maior parte da população não tem acesso aos canais pagos, onde existem programas como Discovery Channel, Canal de História entre outros. Reportagens muito interessantes sobre Física, Geografia e História. E quem não tem acesso a essas informações, a que ficam restritas?



Big Brother e novelas

Vejamos a programação em que a grande fica condicionada. Programas como Big Brother, em que pessoas ficam confinadas numa casa. E o que fazem nesta casa? Fazem alguma coisa de útil? As pessoas que são escolhidas como participantes são sujeitos que bebem, fumam e que são estimuladas pelos próprios produtores a exercerem tais vícios, sem contar com promiscuidade. O que de útil esse programa passa para a população? Nada! Muito pelo contrário: crianças e adolescente vêm aquilo e vão querer fazer a mesma coisa que é feito pelos "brothers".

Em todas as telenovelas são apresentadas articulações para prejudicar aos outros, incentivam alguns modismos que, no mínimo, podem disvirtuar muitos jovens. É claro que as novelas tem alguns aspectos positivos, como conscientizar o uso de preservativos, combater preconceitos. Mas por outro, incentiva a promiscuidade. Do que adianta ensinar coisas certas, misturadas à coisas erradas? Vem a novela das oito mostra o caso de um sujeito que tenta se libertar do vício da bebidas e, logo em seguida, vem o Big Brother e coloca festas regadas a muito álcool, música alta, cigarro, como se fosse tudo muito "maneiro".



Programas de fofoca

Na parte da manhã e da tarde, o que há de programas de fofoca, que só se fala da vida de artistas, o que fazem, o que deixam de fazer, as festas em que participam, casam e descasam. A casa, o carro que compram. Ficam horas e horas falando da vida alheia. E em que esses programas acrescentam ao telespectador? Programas que mostram festas dos "vip's" se autovangloriando de suas "qualidades" e, como sempre, com muita bebida alcoolica e falando altas "filosofias". Essas pessoas são chamadas de "celebridades". Na minha concepção, celebridades são pessoas que se destacam numa área do conhecimento ou que fazem algo de importante para o desenvolvimento do mundo. Mas hoje esse conceito parece ter mudado. Para ser celebridade hoje basta participar de um Big brother, falar muita besteira e ter muito dinheiro.



Programas religiosos.

A qualquer horário do dia ou da noite, sempre tem programas de pastores. Tem alguns que detém programas em dois ou três canais. O espaço na televisão é caro. Em suas pregações esses "religiosos" exigem a contribuição de seus fiéis para levarem a "palavra de Cristo". Teve uma igreja que angariou tanto dinheiro que comprou um canal de tv. São várias seitas, arrecadando dia e noite, fundos pelas suas causas. Vendem produtos, como livros e Bíblias, com informações e opiniões no mínimo tendenciosas. Depois de pregarem, com belas palavras, exigem a contribuição.




Onde estão os programas sobre ciência?

Quem de vocês meus leitores podem dizer os programas relativos a documentários que passam nas tv's abertas? A Globo passa o "Globo ecologia" aos sábados por volta das 7 horas da manhã. Tem os telecursos às cinco e meia da manhã durante a semana. A tv Educativa apresenta alguns programas de entrevistas, uma vez por semana e documentários aos sábados à noite. Ou seja, são muito poucos os programas destinados para a divulgação da ciência, para não dizer praticamente nulo.

Qual o papel da televisão? Entreter, educar e informar. Entretem muito, informa de acordo com seus interesses e educa muito pouco. A tv's são empresas que tem como foco os lucros. Lucros obtidos através de propagandas comerciais, ou com a venda de seus espaços para "religiosos" e de programas como Big Brother, que faturam milhões com divulgação de produtos e também ganham com a participação dos telespectadores que, ao fazerem ligações para eliminaram os candidatos, pagam uma tarifa aparentemente irrisório, mas que juntando com 30 milhões, dá um bom montante para enriquecer pessoas que em nada ajudam o nosso país.

Pelo que dá para perceber, ter um povo culto não é um bom negócio para quem detém o poder...

3 comentários:

Duny disse...

Tudo q vc disse e verdadeiro real,mas infelismente e esse povo em geral qda audiencia a esses meio de comuniaçao,quando cai audiencia,q fazem poem baixaria,cenas de sexo como foi dito!!!Poxa mas e isso ai e o povao q comanda mesmo,ninguem quer ler um bom livro,querem mesmo sacanagem,mas e ai,como mudar uma cultura tao pobre q arrasta-se a anos.Sao manipulados e gostam disso.Ninguem obriga ninguem e ai a questao.O povo nao quer cultura ,quer loucura ,pobreza de espirito sem duvida,mudar isso de q forma como?Hohe a sociedade vive do dinheiro p dinheiro,nao importa como,detesto tdo isso,mas esta e a sociedade q vivemos,so vejo uma saida educarmos nossos filhos baseando em nossas virtudes e conceitos entao passado p nossos pais,pra mim essa e verdadeira cultura q nos e passada de geraçao por geraçao,como tenho so uma filha,q ela passe pro s filho q serao meus netos!! ainda n sou vovo rsrs.e isso amigo FRANK.BJS.

Sol Di'Magalhães disse...

Um país que manda "primeira dama" e filho para Antártida para fazer nada com coisa nenhuma com meus impostos;bem se espera que uma chamada sobre a descoberta acidental de uma técnica para transplante de fígado que resultou na produção de outro tipo sangüíneo seja de 30 segundos enquanto o tapa-sexo(!!!)de uma passista na avenida que caiu ficou 1 minuto e meio tomando o tempo do jornal em horário nobre.

Realmente,não é de se estranhar.Cabe a cada um desligar a TV,ler um livro.Mas o comodismo impera a ponto de TV virar "abajour".Serve só para iluminar o ambiente enquanto dá pontos de ibope que embasam as pesquisas para programação.

Me resta aproveitar as visitas na mamãe para curtir a TV paga...

Lacy disse...

Doctor,
Escrevi alguns artigos sobre esse tema. Se puder, dê uma olhada em http://amigajane.wordpress.com
Um abraço,
Lacy barca